terça-feira, 22 de julho de 2014

Saber apreciar o simples


As mentalidades pequenas se interessam pelo extraordinário; as grandes mentalidades, pelo corriqueiro (Elbert Hubbard)

Meus queridos, muitas vezes começamos a entrar em crise porque acreditamos que nada de extraordinário acontece em nossa vida. Há pessoas que começam a ficar tão desmotivadas pela falta de “fatos extraordinários” em suas vidas que começam até mesmo a ficarem desleixadas consigo mesmas, uma vez que nada acontece mesmo.
Acredito que seja natural criarmos algumas expectativas sobre os mais diversos aspectos que constituem nossa vida. Contudo, precisamos tomar muito cuidado pois, em muitos casos, acabamos tomando por base de comparação situações extremas e até mesmo fictícias (filmes, novelas) e, sendo assim, começamos a achar que nossa vida é um tremendo marasmo e uma rotina entediante!
Precisamos abrir nossa mentalidade e enxergar além! Precisamos perceber que o grande milagre da vida acontece a cada instante ao nosso redor! Estamos perdendo a capacidade da contemplação. Veja bem, não precisamos ser monges, enclausurados em monastérios localizados em paisagens paradisíacas, para aprendermos a contemplar. A arte da contemplação é muito mais a forma como nos posicionamos e nos colocamos diante das situações do que o lugar no qual estamos.

É óbvio que um lugar paradisíaco favorece, sem dúvida. Contudo, se nosso interior não estiver aberto à contemplação, por mais belo que seja o lugar, por mais extraordinária que seja a paisagem, a tendência é tirar uma foto, fazer uma “selfie” diante de tal lugar e seguir para a próxima paisagem com a preocupação de colocar nas redes sociais.
A arte da contemplação é ampla. Não se limita a contemplar natureza ou obras de arte. Ela é, também, saber olhar o corriqueiro, o dia a dia com a novidade que cada dia imprime à situação. Cada dia é um novo dia! Nunca é o mesmo, por mais que tenhamos a sensação que nada de novo esteja acontecendo.
Cada novo dia é uma nova possibilidade de fazermos melhor o que fizemos ontem; é uma possibilidade não de voltar atrás e fazer diferente o que fizemos de errado, mas sim de, a partir do hoje, iniciarmos com novos propósitos e, assim, fazer um amanhã melhor!

Não esperemos as coisas extraordinárias, mas saibamos que o corriqueiro é, na verdade, o grande segredo para que tenhamos uma vida extraordinária! Claro, acontecerão fatos marcantes no decorrer de nossa vida: o casamento, o nascimento dos filhos, a conquista de um grande sonho, a realização de um grande projeto etc. No entanto, são fatos marcantes dentro de uma vida que, por si só, já é extraordinária! Pense nisso! Forte abraço: André Massolini